Publicidade

O ecossistema português de startups exportou 1,1 mil milhões de euros no ano passado e teve um impacto de 1,1% no PIB.

Segundo dados da Startup Portugal, associação privada sem fins lucrativos responsável pela implementação da estratégia nacional para o empreendedorismo, as startups empregam mais de 25 mil pessoas e representaram um impacto de 2,2 mil milhões de euros no produto interno bruto português em 2018.

O contributo das startups em termos de emprego entre 2016 até 2018 foi de 15.534 para 25.084 funcionários. Outro dado importante é o factor das startups portuguesas criarem mais riqueza para a economia copulativamente as espanholas, italianas e graças.

Estes números comprovam claramente a importância e o impacto crescente que as startups têm em Portugal e todos os benefícios que criam para a economia e para o desenvolvimento da sociedade.